Environment and Human Health – EEA – Parte 1

A primeira parte do relatório propõe a maior integração entre os temas Saúde Humana e Ambiente, evoluindo do foco em questões isoladas e específicas para o reconhecimento das interdependências complexas e multifatoriais entre os temas.

Reforça-se a identificação das condições ambientais e os principais riscos a serem identificados e enfrentados nos próximos anos pela região. Dentre os pontos destacados nesta primeira parte do relatório enfatizam-se os indicadores de qualidade ambiental melhorando, os desafios do envelhecimento da população e a manutenção da sua qualidade de vida e as relações com as grandes questões ambientais (mudanças climáticas, consumo de recursos naturais não-renováveis, mudanças disruptivas em serviços ecossistêmicos).

Exposição à poluição do ar, barulho, qualidade da água diminuindo, expansão do número de produtos químicos utilizados no dia a dia sem a adequada análise de impactos, radiação, agentes biológicos e ambientes degradados. A desigualdade social relacionada à maior exposição da população de baixa renda aos ambientes mais degradados e a proposição de uma ferramenta integrada para análise de riscos e impactos, com o mapeamento das interações entre os aspectos sociais, ecológicos e físicos do ambiente.

%d blogueiros gostam disto: