Fundo soberano da Noruega – Desinvestimento em carvão

O Fundo Soberano da Noruega – aquele criado para utilizar os recursos da exploração de petróleo para o desenvolvimento do país – tem sob seu controle cerca de 1% do capital das companhias listadas em bolsa em todo o mundo.
Com vistas a alterar sua política de investimentos e adequá-la às novas condições de mercado relacionadas às mudanças climáticas, o parlamento norueguês considera retirar do portfólio do fundo as empresas que obtém mais de 30% de seus resultados da exploração de carvão ou cujas usinas termelétricas usem mais de 30% da fonte de energia do carvão.
Calcula-se que estes critérios de exclusão exigiriam a retirada de recursos de 50 a 75 empresas de carvão europeias e norte-americanas, num valor estimado de US$ 5,4 bilhões.

Movimentos
Este movimento não é único e pode representar uma tendência de retirar do portfólio de fundos de pensão as empresas mais impactantes sob o ponto de vista das emissões de carbono e as mudanças climáticas.
O capital a ser reinvestido pode ser utilizado para alimentar fundos de investimentos para energias renováveis.

Publicado em Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.