A importância do planejamento para o ambiente

O planejamento envolve obter informações relevantes sobre a realidade local, escolher dentre as políticas e os instrumentos disponíveis quais os mais adequados com base nestas informações e promover investimentos com base nas necessidades levantadas pelas informações locais.

Isto posto, pergunto: Por que todo ano acontecem catástrofes no RJ e não se vê recursos sendo investidos em prevenção de crises, remoção de pessoas de áreas de risco e investimento em infraestrutura para evitar eventos extremos? Qual a prioridade que as autoridades do RJ estão tendo? Dinheiro para investir no Maracanã tem, para investir em contenção de encostas e reassentamento não. Por que então o governador, a assembleia estadual, os prefeitos e os vereadores estão na posição que estão? Apenas para receber benefícios?

É necessário que eles planejem o que querem fazer no RJ nos próximos 50 anos. Quando saiu o relatório Stern sobre os efeitos das mudanças climáticas, a conclusão óbvia do relatório é que os países em desenvolvimento iriam sofrer mais os efeitos das mudanças climáticas pois a gestão de riscos é inexistente. Nada de novidade. Se com estas chuvas que caem há milhares de anos nos primeiros meses do ano o brasileiro ainda não aprendeu que precisa ter planos de contingência e de enfrentamento de desastres, quando vai aprender?

O que diferencia o Brasil e outros países em desenvolvimento dos países desenvolvidos é também que eles têm mecanismos de enfrentamento de crises muito mais eficientes e que seus políticos tem que ter formação e desempenho superior ao que os nossos tem. Isso é crítico. Se os responsáveis pela gestão de crises são incompetentes, o primeiro passo para o desastre já foi dado.

Sobre Marcio Gama

O cérebro é nossa maior especialização e nos faz humanos e complexos, capazes de pensar, gerir riscos e planejar o futuro. Nos adaptamos a todos os ambientes conhecidos e aprendemos a utilizar os recursos para nossa sobrevivência. Nesta caminhada, aprendemos a nos adaptar. Tentamos resolver os problemas que criamos e esta é a parte da nossa caminhada neste planeta, o único que temos. Sou Biólogo, Mestre em Planejamento e Gestão Ambiental e Especialista em Gerenciamento de Projetos e as análises que faço aqui refletem a minha visão sobre o tema, balizada em artigos científicos e informações de fonte fidedigna e relevantes. Espero que curtam os textos.
Esse post foi publicado em Comentário pessoal, gestão ambiental pública. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.